Consultoria Empresarial: Mitos e Verdades que Todo Empresário Precisa Saber

Consultoria Empresarial: Mitos e Verdades que Todo Empresário Precisa Saber

Fazer tudo sozinho não é a melhor opção quando o assunto é business. Contratar o serviço de uma consultoria empresarial é ideal para quem está procurando abrir um negócio ou gerenciá-lo com mais informações, ferramentas e metodologias.

Apesar de ser um mercado tão diverso e com longo histórico de empresas de consultoria, tanto no Brasil, quanto ao redor do mundo, muitas dúvidas ainda atrapalham os empreendedores. Por isso, listamos abaixo algumas das afirmações mais comuns para esclarecermos quais são mitos ou verdades.

 

“A consultoria empresarial é um serviço caro” DEPENDE

O preço da consultoria pode variar muito. Isso porque é possível contratar consultorias que atendem apenas empresas de grande porte ou marcas muito valiosas. Essas possuem um preço de serviço muito mais alto que a média. Fato que não ocorre com  as empresas juniores que, normalmente, possuem um preço menor.

A EJFGV – Empresa Júnior da Fundação Getúlio Vargas -, por exemplo, traz serviços totalmente personalizados com preços até 85% abaixo do mercado. Ou seja, é possível contratar diversos serviços – desde para a área financeira, até para o marketing – por preços acessíveis.

Clique aqui e saiba mais sobre a consultoria da EJFGV.

 

“Empresas de todos os portes podem contratar uma consultoria” VERDADE

Você sabia que antes de abrir um negócio, a consultoria pode te ajudar de diversas formas? Pesquisas de mercado, planejamento financeiro e até mesmo auxílio na captação de investimentos, a consultoria empresarial oferece soluções que comumente são personalizadas e se tornam  um diferencial para os empreendedores que querem abrir e expandir seus negócios com mais chances de sucesso.

Por outro lado, empresas de grande porte, franquias e franqueados também podem recorrer às consultorias. Inclusive, muitas das grandes empresas possuem uma verba exclusiva para consultorias empresariais. Isso porque muitos trabalhos, como pesquisas de mercado e mapeamento de processos, são pontuais e não compensam a contratação de pessoas exclusivas para a execução desses projetos. Além disso, a consultoria oferece uma visão imparcial do negócio, o que pode ser um diferencial na hora de projetar o lançamento de um produto ou realizar certas análises.

 

“A consultoria decide o futuro da empresa” MITO

Aqui, é importante destacar que as consultorias são prestadoras de serviço. Ou seja, elas podem indicar o melhor a ser feito, sem imposições. Não há, de forma alguma, um contrato ou uma obrigação para seguir as recomendações de qualquer consultor.

Não se sabe ao certo o porquê desse mito, mas uma das hipóteses é de que alguns profissionais são vistos como “mais da mesma coisa”. Por isso, vamos diferenciar:

  • Consultor: é o profissional externo à empresa que fornece informações ou pareceres para aconselhar as decisões da empresa;
  • Investidor: fornece recursos financeiros para a empresa. Este pode ou não ter participação ativa nas decisões da empresa, dependendo do contrato social;
  • Conselheiro: pessoa parte do conselho de administração, que foi eleita ou designada para orientar e supervisionar o rumo da empresa.

“Consultorias salvam empresas” DEPENDE

É muito comum gestores procurarem consultorias quando a situação já está grave. Quando chega-se em um ponto muito crítico, a empresa tem dificuldades até mesmo para custear o serviço de consultoria. Esse cenário nem sempre vale a pena ser revertido, por conta do tempo e do capital necessário. Porém, ainda assim, é função da consultoria empresarial mostrar o melhor caminho.

De modo geral, pode-se dizer que a consultoria entrega as melhores soluções para que as empresas consigam se reerguer. É importante destacar que é sempre válido considerar todas as soluções para a gestão de negócios.

Nossa dica: aproveite que a EJFGV possui um diagnóstico gratuito. É só agendar uma reunião de avaliação para saber quais soluções são ideais para o seu negócio.

 

“A consultoria não pode me ajudar, porque não conhece o meu negócio” MITO

É verdade que o core business de cada empresa é entendido profundamente pelos seus gestores. No entanto, isso não quer dizer que as consultorias não terão como prestar um serviço de qualidade.

Diz-se que um gestor conhece o produto, mas uma consultoria conhece as metodologias. É com a união desses dois conhecimentos que as melhores soluções são construídas. Por isso, os consultores normalmente passam por uma fase intensa de imersão para criar as soluções mais adequadas, de acordo com o negócio.

 

Dúvidas sanadas? Entre em contato com a EJFGV e agende uma reunião.

Leave a Reply

Your email address will not be published.