Blog

O que é a Comunicação assertiva e 7 passos para implementá-la

A comunicação assertiva está entre as principais habilidades mais valorizadas pelo mercado. 

Ela é um método eficaz de resolução de problemas nas empresas. Segundo Peter Drucker, especialista em gestão de negócios, falhas de comunicação causam 60% dos problemas em uma empresa. 

É uma comunicação em que o emissor consegue transmitir a mensagem de forma clara, segura e que não cause dúvidas ao receptor.

Quer saber mais sobre a comunicação assertiva e como desenvolvê-la? Continue a leitura.

O que é uma comunicação assertiva?

A comunicação assertiva é o método de transmitir informações de forma clara, objetiva e calma, com segurança e posicionamento. De modo que o emissor consiga defender um ponto de vista de maneira respeitosa e eficaz.

Com essa comunicação o emissor consegue alcançar o resultado esperado e proporcionar um diálogo mais aberto entre as diferentes partes da conversa, prezando a colaboração e atenção de todos.

A assertividade acontece quando não há ruídos entre emissor e receptor, criando um canal de comunicação eficiente entre eles. 

Diferença entre comunicação assertiva e agressiva

Quando falamos sobre esse conceito, muitas vezes as pessoas confundem, associando com agressividade. A comunicação assertiva é firme, mas não agressiva.

O bom comunicador assertivo é aquele que consegue transmitir suas ideias sem ser agressivo e de forma que não cause conflitos e desentendimentos. 

Não se trata somente de falar, mas de criar um canal de diálogo, praticando a escuta ativa, ouvindo atentamente e se mantendo calmo enquanto o outro fala. Estar no papel de quem está passando a mensagem não significa julgar ou diminuir o outro.

Vantagens da comunicação assertiva

Como foi dito, mais da metade dos problemas que ocorrem em uma empresa são causados por problemas de comunicação. A falta de clareza prejudica os alinhamentos, processos e demandas da empresa.

Eles podem gerar consequências negativas como erros de execução, que levam à necessidade de refazer os processos, o que causa desgaste desnecessário. Outra consequência seria que os problemas de alinhamento podem fazer com que os resultados não sejam alcançados e os recursos tenham sido desperdiçados. 

O intuito é direcionar os esforços de cada colaborador, melhorando as entregas para a organização e os clientes envolvidos. 

Alguns dos benefícios da comunicação assertiva são:

  • Satisfação entre os colaboradores;
  • Alinhamento de expectativas;
  • Divergência de opiniões sem causar discórdia entre os envolvidos no ambiente de trabalho;
  • Amplifica o poder de solucionar situações;
  • Fortalece a autoconfiança; 
  • Simplifica o gerenciamento de crises;
  • Diminui ruídos de comunicação;
  • Promove a união e a produtividade das equipes;

Como elaborar a comunicação assertiva?

Compreendemos o que é a comunicação assertiva e seus benefícios para a empresa, mas como realizá-la? Separamos alguns passos:

  1. Capacitação

Trabalhe nos seus pontos fortes e, principalmente, onde é preciso melhorar para poder ter um bom desenvolvimento dentro da sua função.

  1. Saiba ouvir

É importante saber falar, mas também é tão importante quanto saber ouvir o outro. Saber considerar opiniões diferentes para tomar decisões, conseguir ler sinais não verbalizados pelos outros (como tons de voz, expressões faciais, posturas, etc.)

  1. Síntese 

Para conseguir transmitir a sua mensagem com assertividade, é preciso ter noção do conteúdo da mensagem, saber quem é o “alvo” da mensagem e ter compreensão do motivo dessa comunicação.

Você pode utilizar o QSP (Quantidade Suficiente Para): conseguir o equilíbrio da quantidade necessária de informação que a pessoa vai receber para ajudar ou entender o que está sendo comunicado.

  1. Tenha inteligência emocional

Uma inteligência emocional bem trabalhada evita desentendimentos e impede que os ruídos atrapalhem a comunicação, permitindo ter controle sobre as situações. 

  1. Saiba se posicionar sem atacar

Como vimos, assertividade não é sinônimo de agressividade, você precisa saber expressar sua ideia sem parecer uma imposição ou grosseria. 

Isso acontece principalmente através do tom de voz, uma solução é treinar suas falas com pessoas próximas e de confiança, para que você não seja interpretado de maneira diferente do que o planejado.

  1. Busque conhecimento

Enriqueça o seu repertório de conhecimentos e procure formas de aprimorar a sua oratória. Um meio seriam cursos que são oferecidos no mercado com variados tipos de abordagem. 

  1. Identifique o canal correto

É fundamental ter entendimento de qual é o canal adequado para o tipo e objetivo da mensagem que você planeja passar. 

Algumas opções de canal são: por mensagem de Whatsapp, e-mail, ligações de vídeo e presencialmente. É importante ter noção da gravidade da situação para saber discernir o melhor meio possível para passar a mensagem adequadamente. 

0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress